A nova Convenção da Assembleia de Deus no Brasil (CADB) foi fundada em uma solenidade no último sábado, 02 de dezembro, no Templo Central da AD em Belém (PA). A entidade nasce com 10 mil pastores filiados.

O surgimento da CADB ocorreu após anos de disputa na Convenção Geral das Assembleias de Deus no Brasil (CGADB), marcada por polêmicas e disputas judiciais. O racha culminou com a saída do pastor Samuel Câmara – opositor do clã Bezerra da Costa – da entidade e o movimento para fundação de uma nova convenção.

De acordo com informações do portal JM Notícia, Câmara foi aclamado o primeiro presidente da CADB e falou sobre os objetivos da entidade, além de ler o estatuto. “Estamos iniciando uma jornada muito abençoada […] Começamos ultrapassando 10 mil membros filiados”, afirmou, acrescentando que a situação foi “desenhada por Deus”.

Abrangência

Segundo Samuel Câmara, há pastores de quase todos os estados brasileiros filiados à CADB, e a expectativa é que mais sacerdotes assembleianos se juntem à entidade conforme o conhecimento sobre o estatuto se torne mais amplo.

O único estado em que ainda não há filiados é Sergipe, e a CADB tem planos de enviar missionários à região caso nenhum pastor se filie à entidade.

Da Rádio Sintonia / Fonte: G.Notícias